Palestra – Marketing Digital

Ricardo Cavallini – http://www.coxacreme.com.br/
Autor dos livros “Mobilize“, sobre as possibilidades de propaganda e marketing no universo móvel, de “Onipresente“, que coloca em um contexto histórico a transição do mercado de comunicação e ajuda a entender o cenário futuro e de “O Marketing Depois de Amanhã“, sobre novas tecnologias e seu impacto sobre o comportamento do consumidor.

Com mais de 20 anos de experiência em comunicação interativa, sua atuação abrange várias áreas e disciplinas. Foi Diretor de Mídia da F/Nazca Saatchi & Saatchi, Diretor de Operações da Euro RSCG 4D, Diretor de Planejamento da W/Brasil, Sócio-diretor de Engenharia da agência digital Organic inc e Vice Presidente de Convergência da WMcCann.

Cavallini é consultor corporativo, professor do curso de extensão de marketing direto da ABEMD e da Master de Jornalismo do IICS com a Universidade de Navaha e acumula passagens por agências, veículos e produtoras como JWT, DM9DDB, globo.com e Vetor Zero.

Anúncios

Blog – Importância para o relacionamento com o cliente

Pode-se afirmar que hoje a internet é uma das mídias mais poderosas para se promover uma marca, serviço ou produto. Para muitos, o meio digital é um convite para investir em um novo empreendimento. A utilização do meio online por empresas caracteriza um perfil inovador e um relacionamento mais próximo ao cliente.

Uma ferramenta muito importante para a comunicação digital de uma empresa é o blog corporativo. Estima-se que futuramente os blogs serão tão comuns quanto propagandas e banners para a divulgação e venda.

O blog é um excelente meio de relacionamento com o cliente, pois nele a empresa pode informar sobre novidades relacionadas à marca ou ao cenário do mercado e o cliente pode interagir fazendo comentários e colocando suas dúvidas. Assim a política de transparência é adotada, o que proporciona maior credibilidade à empresa.

A criação de um blog corporativo não pode ser tratada como apropriada para qualquer empresa. Não há distinção quanto ao porte da companhia, mas há diferença quanto à cultura da empresa. Uma instituição de controle, por exemplo, não está disposta a ouvir reclamações ou conhecer o ponto de vista de seus clientes. Por isso, antes de iniciar atividades na blogosfera é necessário conhecer o real perfil da empresa em questão, além de definir o objetivo com a ação.

Um blog pede dedicação e planejamento. É preciso contar com uma equipe de blogueiros que o atualizem periodicamente e procurem responder comentários de leitores com agilidade. O foco dos assuntos postados deve ser relacionado ao nicho atendido, mas sendo sempre informativo, interessante e tendendo à informalidade, afinal, o usuário quer se sentir próximo da empresa com quem se comunica.

Redigir a respeito dos produtos da empresa deve estar incluído nos assuntos tratados, mas não deve ser o único foco do blog se a intenção for de atingir mais usuários interessados em um determinado segmento. Se o blog trata apenas sobre a Microsoft, por exemplo, o conteúdo postado nele atrairá apenas usuários que tenham produtos da marca e excluirá os que ainda não a conhecem.

Uma das empresas brasileiras destacadas nesse segmento é a Construtora e Incorporadora Tecnisa. A empresa usa seu blog como extensão de seu slogan: “mais construtora por m²”. E trata sobre assuntos como construção, processo de compra de imóveis, temas da gestão empresarial e até mesmo sobre paisagismo. O blog da Tecnisa trouxe para a empresa resultados como visibilidade e modernização da marca, relacionamento com o cliente e parceiros de negócios, avanço da política de transparência empresarial e governança corporativa.

Lembre-se: antes de criar o blog de sua empresa, pesquise a respeito de seu mercado de atuação e pense na melhor maneira de tratar assuntos da área e abordar usuários. Tenha ao menos uma pessoa responsável pelo blog – o tamanho da equipe varia de acordo com o tamanho da companhia – e certifique-se de que o trabalho será tratado com a seriedade que seu objetivo de ação pede, pois benefícios e conseqüências ruins podem ter o mesmo peso se o blog não for cuidado devidamente.